Sindicato dos Metalúrgicos de Camaçari e a Ford chegam a acordo parcial em audiência virtual

Sindicato dos Metalúrgicos de Camaçari e a Ford  chegam a acordo parcial em audiência virtual

Geral CTB Geral 19/02/2021

Sindicato dos Trabalhadores dos Metalúrgicos e a Ford avançaram na construção de um diálogo e chegaram a um acordo parcial, ficando acordado que as negociações diretas entre as partes serão realizadas durante o prazo de 90 dias, com a garantia de salários para todos trabalhadores que forem ou não convocados para o trabalho.

Em contrapartida, a atividade de produção da empresa será retomada a partir de segunda-feira (22/2), às 6h. O acordo ocorreu durante audiência virtual de dissídio coletivo realizada pelo Tribunal Regional do Trabalho da Bahia (TRT5-BA), na última quinta-feira (18/2), conduzida pelo vice-presidente do Regional baiano, no exercício da Presidência, desembargador Jéferson Muricy.

Para o presidente da CTB-BA, Pascoal Carneiro, a falta de diálogo e transparência entre o sindicato e a Ford foi resolvido, “ Os trabalhadores não podem pagar o preço da irresponsabilidade, nossa luta é para garantir e assegurar os direitos do trabalhador e da trabalhadora da Ford”, finaliza.

Ficou acordado a continuidade das negociações pelo prazo de 90 dias, contados a partir desta quinta (18), também chegaram ao consenso que os empregados convocados da Ford voltam ao trabalho para produção das peças de automóveis, comprometendo-se as partes a negociar diretamente as condições de tal retorno na reunião agendada para o dia 19/2/2021.Outro ponto acordado foi que o abono das faltas injustificadas dos trabalhadores,  a Ford assumiu o compromisso de não descontar tais faltas pelos próximos 90 dias.