Dia de Luta, segunda-feira, em defesa da Caixa

Dia de Luta, segunda-feira, em defesa da Caixa

Geral CTB Geral 11/01/2020 há 4 meses

A Caixa é o banco público de todos os brasileiros. Responsável por financiar mais de 17 milhões de unidades desde 1964. O papel social da instituição financeira, no entanto, está ameaçado. Por isso, na segunda-feira (13/01), o Sindicato dos Bancários da Bahia realiza Dia de Luta nas agências de Lauro de Freitas. 


O objetivo da manifestação é chamar a atenção dos empregados e da sociedade sobre a importância de manter o banco 100% público. A Caixa, que completa 159 anos no domingo (12/01), sofre as ameaças de privatização que enfrentou nos anos 90. 

A empresa passou um processo de desinvestimento de 2019 e vendeu R$ 15 bilhões de ativos. Ou seja, recursos da instituição foram repassados ao mercado. E este ano já começou com o anúncio da contratação de um banco americano, o Morgan Stanley, para dar início à venda da Caixa Seguridade.  

A sanha para privatizar a Caixa não é novidade. Por isso, a resistência é decisiva. Não dá para entregar de mão beijada o banco do povo. São 3,3mil agências em todo o país.

O sonho da casa própria também passa pela Caixa. Nos últimos 15 anos, foram financiadas 4 milhões de moradias do programa Minha Casa, Minha Vida. Sem contar com a operação de programas de transferência de renda e benefícios sociais do país, como o Bolsa Família.

Outro bom exemplo da importância da Caixa para o brasileiro são as Loterias. Parte da arrecadação é repassada ao Fies. Em 2017, o Fundo de Financiamento Estudantil recebeu cerca de R$ 1,3 bilhões. No ano seguinte, foram cerca de R$ 730 milhões. Os valores também foram aplicados nas áreas de saúde, cultura e esporte.

Diante de tantos prejuízos, é fundamental fortalecer a rede de defesa da Caixa. Com a venda do banco, perdem a economia do país e os brasileiros.

 

Via: Sindicato dos Bancarios da Bahia