Benefícios do INSS são ameaçados de cortes

Benefícios do INSS são ameaçados de cortes

Geral CTB Geral 03/06/2019 há 2 semanas

A equipe econômica do governo Bolsonaro quer economizar gastos públicos prejudicando beneficiários do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social). Nesta quinta-feira (30/05), a Câmara aprovou a Medida Provisória que cria um pente-fino, principalmente no auxílio reclusão do INSS.

O governo quer criar regras mais rígidas para ter direito ao auxilio reclusão. O objetivo é economizar R$ 9,8 bilhões neste ano, além de investir com os programas de combate a fraudes na Previdência Social.

Para promover a caça as irregularidades da Previdência, a MP prevê bônus para servidores do INSS que buscam irregularidades em benefícios. Ou seja, os funcionários estão sendo incentivados a cancelarem benefícios, em troca de um bônus de R$ 57,00 e R$ 62,00 por cada processo concluído. 

A medida é um dos primeiros passos para a reforma da Previdência, que tem o objetivo de endurecer as regras de acesso a aposentadoria. A MP que ainda precisa passar pelo Senado, preocupa as entidades que lutam pelos trabalhadores, pois entendem que famílias que dependem do auxilio serão oneradas.

Com informações de bancariosbahia.org.br