Ato em Salvador presta solidariedade a Maduro e ao povo venezuelano

Geral - CTB Geral - Postada 29 de Janeiro de 2019

 

O movimento internacionalista da Bahia promoveu, na última segunda-feira (28/01), em Salvador, um ato em solidariedade ao povo venezuelano e ao governo do presidente Nicolás Maduro, diante das ameaças de ingerência no país. A atividade aconteceu no Espaço Raul Seixas do Sindicato dos Bancários, organizada pelo Cebrapaz (Centro Brasileiro de Solidariedade aos Povos e Luta pela Paz), ACJM (Associação Cultural José Martí) e FBP (Frente Brasil Popular).

 

O ato teve caráter nacional e reuniu cerca de 90 pessoas. Segundo Antônio Barreto, presidente do Cebrapaz, o objetivo foi de manifestar a posição do movimento popular e progressista brasileiro em relação aos conflitos no país vizinho. “Demonstramos que estamos do lado do povo venezuelano, condenando a ofensiva do imperialismo norte-americano e se solidarizando com o governo de Maduro”, afirmou.

Antônio Barreto ainda defendeu a legitimidade do novo mandato de Maduro, que tem sido questionado pela oposição, pois a eleição, segundo ele, cumpriu os ritos democráticos. “Não existe ditadura na Venezuela! O que existe é um poder voltado para a maioria do povo, e não para a elite venezuelana, que sempre usurpou das riquezas do país”.

A representante da FBP, Elen da Silva, acrescentou que a atividade busca denunciar, também, a intervenção do imperialismo norte-americano na América Latina. “O ato político consegue articular, minimamente, os setores que estão apoiando a Venezuela, com um entendimento do que significa a autonomia dos povos e da movimentação estadunidense em torno dos recursos naturais alocados na América Latina, especialmente o petróleo”, explica.

No encontro, também estiveram os cônsules de Cuba no Brasil Milena Zaldiva e Rafael Lopez. De acordo com Milena, a posição de Cuba é de que é direito o povo venezuelano defender seus interesses e a sua soberania. “Quem acompanha o atual governo de Maduro sabe do compromisso dele em defender esse direito frente ao mundo”, disse.

Na ocasião, foi feito um minuto de silêncio em homenagem às vítimas da barragem em Brumadinho (MG). Na mesa de discussões, também estiveram Aurino Pedreira (CTB), Gilberto Leal (Conen) e Moisés Borges (MAB – Movimento dos Atingidos por Barragens).

Além do ato em apoio a Maduro, o movimento internacionalista pretende ainda levar à Venezuela uma brigada de solidariedade ao presidente e ao povo venezuelano.

 

Portal Vermelho



  whatsapp  

Últimas notícias

Quarta-feira tem Plenária em defesa da Previdência e das aposentadorias

Geral - CTB Geral Postada 18 de Fevereiro de 2019

Servidores do HGRS aprovam manifestação na unidade dia 26

Geral - CTB Geral Postada 18 de Fevereiro de 2019

APLB realiza 18 assembleias da rede estadual e categoria aprova estado de greve

Geral - CTB Geral Postada 18 de Fevereiro de 2019

Feebbase promove debate sobre adoecimento nos bancos

Geral - CTB Geral Postada 14 de Fevereiro de 2019

Assembleia da Assufba nesta quarta-feira foi um sucesso

Geral - CTB Geral Postada 14 de Fevereiro de 2019
Ver todas as Notícias

Enquete

Sem enquetes cadastradas

Charges

#EleNão Postada 29 de Outubro de 2018 Ver todas as charges

Facebook



Rua Democrata,18, 1º andar, Dois de Julho - Salvador -Bahia. CEP. 40060-107.
© Copyright CtbBahia - Todos os direitos reservados - imprensa@ctbbahia.org.br
Tel (71) 3012-5390